Aqui é o ponto de encontro de todos os que gostam de ler, de falar de livros, de ilustrar as passagens preferidas, de partilhar leituras…
Vamos conversar?
Neste espaço, podemos partilhar com os outros as nossas opiniões sobre livros/textos que apreciamos, leituras que adoramos e, também, conhecer novos livros interessantes. Leste um livro interessante? Então, fala-nos um pouco dele. Vem até aqui, ao nosso PONTO de ENCONTRO, um espaço que gostaríamos que fosse verdadeiramente NOSSO, de toda a Comunidade Educativa.
“Ler é sonhar pela mão de outrem.” Fernando Pessoa
publicado por Cidália Loureiro e Lídia Valadares | Quinta-feira, 05 Julho , 2012, 21:45

Saramago, um escritor genial, mundialmente conhecido, é autor de obras maravilhosas, mas que estão frequentemente associadas a um certo nível de complexidade, a alguma dificuldade na leitura. Contudo, consegue também surpreender-nos com uma escrita simples e deslumbrante. Surpreender-nos e maravilhar-nos! Fiquei encantada com um texto que lemos nas aulas de Português – “Neve Preta” - e que faz parte do manual adotado na nossa Escola. Este texto revela uma extrema sensibilidade e respeito pelos sentimentos dos mais novos e isso o autor deixa extremamente claro desde o início até ao fim do texto.

Conta Saramago que, num dia de aulas, uma professora lembrou-se de solicitar aos seus alunos que fizessem um desenho sobre o Natal, podendo, para tal, usar todos os materiais que quisessem. Todos deram o máximo de si, embora uns tenham ficado melhores do que outros. E, como sempre, na hora de entregar os trabalhos, lá estava o presépio, o boi, a vaca, o Menino Jesus, a Virgem, São José, os pastores e os reis magos. Observando os trabalhos que eram colocados em cima da secretária, a Professora ia dando as notas que variavam entre “bom”, “suficiente” e “mau” quando, de repente, ficou chocada ao ver um desenho igual aos outros em tudo, exceto na neve que, contrariamente ao que seria de esperar, era preta. E a pergunta surgiu, inevitável: “Porquê?”. A menina ficou calada, mas a Professora insistiu na pergunta. Ecoavam na sala comentários e risos cruéis e, ao fim de algum tempo, a menina acabou por responder que a neve estava pintada de preto porque fora nesse Natal que a mãe dela tinha morrido. Fez-se um silêncio profundo, pesado e, nesse momento, a Professora pensou: “À Lua já chegámos, mas quando e como conseguiremos chegar ao espírito de uma criança que pintou a neve preta porque a mãe lhe morreu?”

Esta frase absolutamente comovente deixa-nos a pensar se realmente o homem se preocupa mais em alcançar a Lua do que em penetrar no espírito das crianças… Será a Lua mais importante?!

Penso que este texto extremamente belo, extremamente triste conduz a reflexões urgentes sobre a importância daquilo que é “invisível para os olhos”… E é um apelo para que estejamos mais atentos aos outros, aos que nos estão próximos e procuremos perceber as razões das suas atitudes, chegar ao seu espírito. Às vezes, o homem anda tão preocupado por alcançar o que está longe que não consegue chegar ao que está bem perto de si!

A minha Professora de Português facultou-me o texto integral de onde foi extraída a história “Neve preta” – “História de um muro branco e de uma neve preta”, in Vasco Graça Moura (Org). Glória in Excelsis – Histórias Portuguesas de Natal. Porto, Público, 2003. Li-o e achei-o deslumbrante. É composto por duas histórias centradas nas crianças, que nos levam a reflexões profundas sobre as nossas ações, a nossa postura na vida. Fiquei fascinada com o texto e com a sensibilidade e a nobreza de quem o escreveu.

 

Mariana Cardoso, 7º1


De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
Julho 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


LER
“O prazer de ler e de escrever não é um acto solitário, é uma forma de entrar em relação com o outro, de partilhar uma paixão.” Cláudia Freitas, Leituras Cruzadas
blogs SAPO
subscrever feeds